terça-feira, 7 de novembro de 2017

Pinda recebe investimentos na segurança, mas fica chocada com assassinatos. O que esta acontecendo?




Vivemos um contraste em Pindamonhangaba. Ao mesmo tempo que foi anunciado o aumento de efetivo de policiais na Atividade Delegada e a aquisição de 18 viaturas para Policia Civil, Bombeiros e Guarda Municipal nos deparamos com o registo de casos de violência que assustaram nossa população com dois casos no Goiabal, com as mortes de Edilson Duarte (Corvo) e uma jovem e mais duas execuções em plena luz do dia, no Araretama e Campos Maia, além de muitos outros casos de furtos e roubos nos bairros. A Policia Militar afirma que os números de violência na cidade estão diminuindo, mas a sensação não é essa e a nossa população esta aflita com os casos mais recentes e que fogem da realidade do município, até então considerado um refugio para quem já morou em capitais ou em cidades maiores.
Não podemos falar que não existem investimentos em segurança, pois além das viaturas, as câmeras já estão funcionando e fica evidente que existe uma preocupação das nossas autoridades em realizar novos investimentos em busca da garantia da segurança da população

Bem, diante disso, fica a interrogação. Podemos fazer algo para reverter essa situação?

3 comentários:

  1. A notícia está errada. Polícia Civil não recebeu qualquer viatura.

    ResponderExcluir
  2. Gente...
    Pol civil e militar sao instituições complementares diferentes. Por favor né?
    Desculpa ai a vergonha que eu passei lendo esse erro atroz.

    ResponderExcluir
  3. Fora os erros grotescos de português no texto jornalístico
    Que horror

    ResponderExcluir